Marina S. R. Almeida

Consultora Ed. Inclusiva, Psicóloga Clínica e Escolar

Neuropsicóloga, Psicopedagoga e Pedagoga Especialista

CRP 41029-6

INSTITUTO INCLUSÃO BRASIL

(13) 34663504

Jacob Emmerich, 365 sala 13 – Centro – São Vicente-SP

CEP 11310-071

marinaalmeida@institutoinclusaobrasil.com.br

www.institutoinclusaobrasil.com.br

 

Cada vez mais se tem valorizado a necessidade do reconhecimento das características individuais do aluno em sala de sala para que se realizem intervenções focadas na expectativa de melhorar o desenvolvimento acadêmico e que se cuide também da realidade emocional, social e das necessidades físicas dos alunos na escola.

Essa tarefa é delegada a você, professor, que recebeu um ótimo treinamento, porém com ênfase maior para se trabalhar com o grupo do que com o indivíduo. Até pouco tempo atrás, a criança e seu desenvolvimento acadêmico eram áreas restritas à pedagogia.

Atualmente, uma avalanche de conceitos, derivados das observações funcionais das áreas cerebrais e do desenvolvimento da psiquiatria da infância e adolescência (área nova que tem como ponto importante o reconhecimento das especificidades da criança), invadiu o ambiente escolar.

Esse fluxo de conhecimento, apesar de enriquecer muito a prática de todas as áreas envolvida, tanto a pedagógica quanto a saúde mental, também traz dificuldades.

Em toda área em construção ou em pleno desenvolvimento existe certa polêmica em torno dos conceitos, muitas vezes simplificados ou distorcidos, que torna a relação entre a prática do professor e a expectativa da sociedade em relação ao papel que ele exerce quase uma zona de conflito.

Ao criar os módulos, o Instituto ABCD espera tornar acessível ao professor os pontos fundamentais dos conceitos que ficam na interface do discurso entre os profissionais da educação e da saúde.

Nesse módulo, especificamente, tentaremos sumarizar os principais tópicos do comportamento infantil que podem promover empecilhos para o desenvolvimento do aluno e do grupo (sala de aula).

A meta é dar ao professor instrumentos para o reconhecimento de algumas características importantes que estão associadas a alguns padrões comportamentais e, a partir delas, delinear intervenções (no ambiente escolar, feitas pelo profissional da educação).

Módulo 7: Como lidar com comportamentos difíceis em sala de aula

http://www.institutoabcd.org.br/wp-content/uploads/2015/06/Apostila-M%C3%B3d-7.pdf

Conteúdo:

Aproximando-se dos alunos: reconhecendo características individuais.

Genética e meio ambiente: o papel da escola.

Identificando o que está por trás dos comportamentos que interferem na aprendizagem.

Como lidar com esses comportamentos em sala de aula